Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer - CTI



O Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer - CTI é uma unidade de pesquisa do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações e Comunicações (MCTIC). Foi inaugurado em 1982 e, desde então, atua na pesquisa e no desenvolvimento em tecnologia da informação. A intensa interação com o setor acadêmico (por meio de diversas parcerias em pesquisa), e com o setor industrial, (por meio de vários projetos de cooperação com empresas, mantém o CTI no estado da arte em seus principais focos de atuação, tais como: microeletrônica, componentes eletrônicos, sistemas, mostradores de informação, software, aplicações de TI, robótica, visão computacional, tecnologias de impressão 3D para indústria e medicina, e softwares de suporte à decisão. Essa integração com a academia e com o setor produtivo torna o CTI uma instituição capaz de atender demandas da indústria, tornando-as temas de pesquisas, de forma a estimular um ciclo de P&D diversificado, focado em prover soluções para o mercado.

Situado em Campinas no Estado de São Paulo, um dos maiores centros de empresas dos setores de informática e telecomunicações do país e um dos principais polos científicos e tecnológicos da América Latina, o CTI congrega competências na qualificação de produtos e processos, na engenharia de protótipos e produtos da Tecnologia da Informação, em projetos especiais de pesquisa e desenvolvimento, na informatização de sistemas socioeconômicos de meio-ambiente e em infraestrutura e aplicações na internet. O CTI está instalado em um terreno de cerca de 380.000 m2 com uma área total construída de 14.000 m2.

A infraestrutura física do CTI é composta por 11 prédios, sendo um prédio de Diretoria e Administração, quatro prédios das divisões da área técnica e respectivos laboratórios, prédio de sistemas de infraestrutura, almoxarifado, duas portarias, cabine de força e restaurante. A Instituição conta com facilidades como: Biblioteca com 6.100 livros e 280 títulos de periódicos, Auditório com 150 lugares, restaurante com capacidade para atender a 300 refeições diárias, salas de reunião, Centro de Treinamento com duas salas de aula e quatro salas de informática, Sala de Videoconferência e infraestrutura para prática de esportes e lazer sob responsabilidade da Associação dos Funcionários do CTI – ASCTI.