Chamada conjunta dos BRICS vai apoiar pesquisas para enfrentar a Covid-19

 

Foto de uma pesquisadora de costas, na foto uma faixa azul escrito "chamada conjunta dos BRICS vai apontar pesquisas para enfrentar a Covid-19". Na parte inferior, o logo do MCTIC e do Governo Federal.Os ministérios de Ciência e Tecnologia dos países componentes dos BRICS (Bloco formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) lançaram uma chamada para apoiar projetos de pesquisa de cooperação internacional para enfrentamento da Covid-19. A chamada brasileira, integrante da convocatória global, foi publicada nesta quinta-feira (9) pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), agência do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI).


As propostas devem envolver pelo menos 3 dos 5 países do bloco. Serão apoiados projetos com até 2 anos de duração em 5 linhas de pesquisa, como novas tecnologias de diagnóstico, vacinas, medicamentos e sequenciamento genético do vírus. A chamada conta com recursos de R$ 5 milhões do MCTI e R$ 1 milhão do Ministério da Saúde. A data limite para submissão de propostas é 28 de agosto.
Essa é a quarta chamada conjunta lançada pelos 5 países, mas a primeira sobre um tema específico. Desde 2015, os BRICS financiam conjuntamente pesquisas por meio de suas agências de fomento à ciência, tecnologia e inovação. Como forma de aumentar parcerias entre suas comunidades de pesquisa no tema da Covid-19, os Ministérios de C,T&I também têm organizado uma série de seminários virtuais, com participação de especialistas dos cinco países. Dos 6 eventos previstos, 5 já foram realizados, e tiveram como temas as linhas de pesquisa da própria Chamada Conjunta.


Para ser apoiada, a pesquisa deve se encaixar nas seguintes linhas:


1. Pesquisa e desenvolvimento de novas tecnologias e ferramentas para diagnósticos da COVID-19.
2. Pesquisa e desenvolvimento de vacinas e medicamentos para Covid-19, incluindo o reposicionamento de medicamentos disponíveis.
3. Sequenciamento genético da SARS-CoV-2 e estudos sobre epidemiologia e modelagem matemática da pandemia de COVID-19.
4.Inteligência Artificial, TICs e Computação de Alto Desempenho orientados à pesquisa para novos medicamentos, desenvolvimento de vacinas, tratamentos, testes clínicos e sistemas e infraestruturas de saúde relacionados à Covid-19
5. Estudos epidemiológicos e testes clínicos para avaliar a sobreposição SARS-CoV-2 e outras comorbidades, em especial Tuberculose.
 
A convocatória global encontra-se disponível na página: brics-sti.org e a chamada nacional está no link https://bit.ly/3fr12AL.

 

Assessoria de Imprensa do CTI Renato Archer
Cleide Elizeu - Jornalista Científica
E-mail: cleide.elizeu @cti.gov.br
Tel: (19) 3746.6038
Cel: (19) 98801.2773